quinta-feira, 29 de julho de 2010

Vergonha da Sport Tv

Por diversas vezes já referi aqui no blog que não comento jogos de pré-época, pois os mesmos não são oficiais, razão pela qual não me dizem grande coisa (embora os tente ver a todos, obviamente). Sobre o jogo com o Sunderland também não vou dizer grande coisa, mas terei de falar obrigatoriamente sobre isto:


Como muitos saberão (os que não souberem podem ver isso no meu perfil), eu sou jornalista, mas mesmo que não o fosse condenaria sempre isto que aqui aconteceu. Como jornalista, ainda critico com mais veemência, pois isto demonstra uma total falta de profissionalismo pela parte destes 2 jornalistas e o comentador que por acaso até já jogou no Benfica (mas que ao que parece é portista de coração). Depois disto, o Benfica enviou um comunicado a exigir um pedido de desculpas e a Sport Tv emitiu outro, comunicando a instauração de inquéritos disciplinares aos 3 "profissionais". Do mal o menos: a entidade portou-se melhor e mais rapidamente do que eu esperava (embora tivesse tentado por todos os meios apagar os vídeos da net para que o vissem o menos pessoas possíveis). Felizmente a blogosfera benfiquista é incansável na defesa do clube e não deixa estas coisas passarem despercebidas. Que continue sempre assim.

12 comentários:

Pedro BV disse...

É uma grande verdade o que disseste sobre a blogosfera benfiquista, este triste episódio teria passado completamente despercebido e muito provavelmente nem chegaria aos jornais que mesmo assim não deram grande relevo a esta vergonha.

Excelente blog, vou passar por cá mais vezes.

Saudações benfiquistas.

sloml disse...

Obrigado, Pedro. Também não conhecia o teu e já o estou a seguir. É sempre importante haver quem documente e/ou guarde vídeos e imagens, principalmente dos jogos.

Abraço

VHugo disse...

Vergonha, é mesmo em Off haver este tipo de jornalistas"imparciais"lol

Sempre quero ver o que lhes vai acontecer. Apesar de ser em Off, não deixam de estar na hora de trabalo pela qual são pagos, por aqueles que assinam a cabo!

eu não sou um deles.


www.forcamagicoslb.blogspot.com

Vermelhusco disse...

Caro sloml, sendo que tu trabalhas para um jornal que pertence a mesma empresa que controla a SportoTV como ves esta situacao?

Eu sei que ja te perguntei se nao achavas que o vosso trabalho era condicionado mas como e que ves isto? se nao poderes responder aqui responde para o meu mail. :)

Manuel Oliveira disse...

Sloml, ainda bem que como jornalista, criticas a postura desses maus profissionais. A Sport TV foi rápida mas não pediu desculpas ao SLB por isso haverá boicote futuro por parte dos intervenientes nos jogos transmitidos por eles, sendo um já amanhã.

Abraço.
Blog do Manuel

VHugo disse...

já foi publicado o pedido de desculpas...

sloml disse...

VHugo, tens toda a razão no teu comentário. Efectivamente, eu em off posso fazer os comentários que me apetecer, que é o que acontece aqui, por exemplo. Sou jornalista mas tenho opiniões, tenho uma cor clubística e até a expresso neste blog. A questão é que eles lá estavam em off mas estavam a trabalhar, e quando se está a trabalhar tem de ser sempre profissional, sob pena de acontecerem coisas como esta. Foi aí que estiveram mal eticamente. Ah, e eu também não tenho Sport Tv em casa!

Vermelhusco, é mesmo melhor responder por mail...

Manuel, só poderia repudiar os comportamentos deles, pelas razões que refiro no texto e também pelo que digo aqui ao VHugo. Agora já pediram desculpas ao Benfica/Luís Filipe Vieira, ao que parece...

Anónimo disse...

Ja agora, pk é k tem k ser portistas a nao sportinguistas ou bracarenses??????????

sloml disse...

Anónimo, não sei a que te estás a referir. Podias ser mais específico?

Bimbosfera disse...

Olha, já eu gostei da situação toda. Pôs de uma vez por todas os pontos nos "is" sobre o Roberto, descobrimos porque é que ele não defendia, até já fiz um post sobre isso, e a partir de agora, com o problema resolvido, vamos começar a vê-lo a fazer grandes defesas como ontem, e depois tivemos uma emissão histórica, 90 minutos sem dizerem nada de mal sobre o Benfica, e uma grande defesa do Roberto. Além de nos darem uma arma negocial, com a hipótese de "rasgar" o contrato com eles... Foi muito bom para o Benfica, por acaso!

Abraço

Márcio Guerra, aliás, Bimbosfera

Bimbosfera.blogspot.com

Porto disse...

"Roberto - a comédia
No início de cada época, quando os clubes investem largas quantias na contratação de novos jogadores, é natural que os adeptos criem fortes expectativas sobre o valor desses reforços. Tais expectativas são por vezes tão irrealistas e desmesuradas que se transformam rapidamente numa fonte de pressão e desconforto para os jogadores, o que (como se já não bastassem as naturais dificuldades de adaptação iniciais) acabam por constituir uma dificuldade acrescida para quem acaba de ingressar num novo clube. Por esse motivo, não admira que já todos os clubes tenham tido a experiência de contratar jogadores que, não obstante o seu real valor (por vezes demonstrado posteriormente ao serviço de outros clubes), acabam por ser postos de lado logo à partida, simplesmente por não serem capazes de satisfazer de imediato as expectativas que em torno deles são criadas.
Só o tempo dirá se Roberto, o guarda-redes do Benfica recentemente comprado ao Atlético de Madrid, foi ou não uma boa aposta de Jesus, mas a verdade é que arrisca-se a tornar-se, desde já, numa das principais figuras desta época... e não pelos melhores motivos. De facto, o jovem espanhol começa a levar demasiado tempo para demonstrar que constitui um verdadeiro reforço da equipa e a sua ainda curta carreira no futebol português ficou já marcada por dois ou três episódios hilariantes (na gíria futebolística designados por "frangos") que em nada abonam sobre o seu valor. E se isto seria por si só suficiente para abalar as tais expectativas dos adeptos de que falei no início deste texto, pior se torna a situação de Roberto por carregar dois pesados fardos sobre os ombros: o primeiro, pelo facto de estar a substituir Quim, um guarda-redes que, não sendo perfeito, conquistou a simpatia da generalidade dos adeptos benfiquistas; o segundo, pelo facto de ter custado ao clube a módica quantia de 8,5 milhões de euros, uma fortuna se atendermos aos tempos de crise que a economia mundial atravessa.
Todos estes factores somados transformaram Roberto no principal protagonista de uma comédia que vai conhecendo, dia após dia, novos episódios e que está a deixar os dirigentes encarnados à beira de um ataque de nervos. O mais recente (e lamentável) episódio ocorreu quando dois jornalistas e um comentador da SporTV se envolveram numa conversa em "off" nos momentos que antecederem o jogo entre o Benfica e o Sunderland, conversa essa que não era suposto ser ouvida pelo público mas que, vá lá saber-se como, chegou aos ouvidos do presidente do Benfica. Nos minutos que durou a dita conversa, os referidos profissionais da SporTV trocaram várias chalaças sobre o novo guarda-redes do Benfica, fazendo (como não poderia deixar de ser) alusão directa aos frangos pelos quais o mesmo começa a ser conhecido. Para além de Roberto, também o treinador Jorge Jesus foi visado nos trocadilhos, ainda que menos cáusticos neste caso, tal como se pode confirmar a seguir:
"

Porto disse...

"


Na sequência do sucedido, o Benfica não perdeu tempo a publicar no seu site oficial um comunicado, no qual, em jeito acusatório, critica o comportamento dos profissionais da SporTV e exige ao canal televisivo um pedido formal de desculpas. Ora, é precisamente esse comunicado que merece aqui alguns comentários:

1) Por muito que isso possa incomodar os dirigentes do Benfica, Portugal passou a ser, desde o dia 25 de Abril de 1974, um país democrático onde todos os cidadãos sem excepção (incluindo os jornalistas) são livres de terem a sua opinião pessoal no que se refere aos mais variados temas, incluindo política, religião e desporto.
2) Visto que a conversa foi mantida em "off", a mesma assume um carácter privado, não podendo ser encarada como atentatória dos princípios de isenção e idoneidade jornalística exigíveis aos profissionais da comunicação social na prática da actividade jornalística. Pelo mesmo motivo, a SporTV não poderá também ser responsabilizada pelo conteúdo das conversas que os seus profissionais mantêm em privado, incluindo aquelas que possam ocorrer (como foi o caso) em ambiente profissional. Nesse sentido, respondeu muitíssimo bem o canal de Joaquim Oliveira, lamentando o sucedido mas não assumindo a responsabilidade pelo mesmo.
3) A imputação das responsabilidades à SporTV e a exigência de um pedido formal de desculpas soa assim como uma patética chantagem psicológica com o objectivo de subalternizar o canal televisivo aos interesses do clube, bem como uma tentativa desesperada de silenciar todos aqueles que criticam a sua política de contratações.
4) A haver um verdadeiro culpado pelo clima de maledicência que se instalou em torno do clube da Luz, esse é, sem dúvida, o seu presidente, por ser o principal responsável na contratação de Roberto. Vistas as coisas por este prisma, deveria ser Filipe Vieira o primeiro a pedir desculpas ao Benfica.
5) Será que todos nós devemos um pedido de desculpas ao Benfica por fazermos humor em torno dos "frangos" de Roberto?
6) Será que alguma vez o Benfica pedirá desculpa pelas chalaças que os seus próprios adeptos fazem sobre as contratações falhadas e as fífias dos guarda-redes dos outros clubes?
7) Se os dirigentes benfiquistas se preocupam verdadeiramente com a isenção e a idoneidade jornalística, é de todo conveniente que não percam tanto tempo com as opiniões privadas dos jornalistas, mas antes com as posições frontalmente assumidas por um determinado sector da comunicação social claramente identificado com a cor encarnada, essas sim atentatórias dos mais básicos princípios do jornalismo. Por exemplo, o facto de uma determinada jornalista, bem conhecida pelo benfiquismo primário que transparece em tudo o que escreve, ter acumulado funções de funcionária do clube da Luz e de comentadora num jornal desportivo (também ele conotado com o Benfica), não constituirá maior motivo de preocupação e de indignação do que uma simples conversa em "off"?
8) Não fica bem a um clube publicar um comunicado que começa por afirmar que "Fomos surpreendidos, durante a manhã desta quarta-feira, com comentários depreciativos..." e logo a seguir acrescentar que "É uma situação que se lamenta mas que não surpreende." Transmite um certo... amadorismo."

Texto retirado de um blog.