sábado, 9 de outubro de 2010

Duas notas

1 - O presidente do Benfica finalmente esteve 100% bem numa entrevista. Dominou bem os registos - foi irónico e sarcástico quando teve de ser, mas também soube falar a sério no momento certo -, mas acima de tudo manteve a coerência no discurso, não se deixou enrolar e mandou as mensagens certas para todos os intervenientes. Desta vez, tiro-lhe o meu chapéu. Faltou apenas, como li no grande A Mão de Vata, mandar a boca ao treinador do Porto de pedir para repetir o jogo de Guimarães, mas pronto, não se pode pedir a excelência. Digamos que esteve "apenas" muito bem.

2 - Pode ser de mim, mas parece-me que bastou a selecção nacional arranjar um verdadeiro treinador para os resultados começarem a surgir e as próprias exibições da equipa melhorarem substancialmente. Parecendo que não, isto de ter um comandante a sério no banco muda muita coisa... Ah, e para quem dizia que o nosso Carlos Martins nunca mais ia pisar na selecção, não só pisou como fez parte do 11. Eu sempre achei que o Paulo Bento tem uma espinha dorsal elevada, e não me enganei. Agora já acredito na qualificação para o Europeu. Se bem que ainda não percebi muito bem se desta vez se qualificam os 2 primeiros do Grupo (como aconteceu em 2008) ou se vai apenas o primeiro. Mas seja como for, acredito no apuramento. Vamos lá ganhar agora na Islândia!

6 comentários:

GIL VICENTE disse...

E notas excelentes, oportunas e precisas.
A minha vénia sincera.
E as minhas desculpas por ter andado tão ausente. A sua escrita e a sua informação para nós, Benfiquistas, como destacado blogue da Gloriosasfera, não o mereciam.
Afazeres e problemas de saúde familiar prementes são escassas desculpas mas não queria deixar de lhas apresentar.
Um grande abraço

ana_slb disse...

Duas notas muito relevantes. O presidente esteve à altura.E a selecção também. Gosto do Paulo Bento, acredito que nos vai dar alegrias.
Saudações Benfiquistas!

VHugo disse...

Também já por aí que, o problema são os jogadores que não sentem o que vestem!
Quando se cansarem do Paulo Bento, voltam a jogar a merda que andavam a jogar com o Carlos Queirós!

http://forcamagicoslb.blogspot.com/2010/10/concordo-com-capa-d-abola.html

Manuel Oliveira disse...

Realmente LFV esteve bem na entrevista. Fica a dúvida de qual será a surpresa se houver apedrejamento do autocarro. Falta de comparência parece que não será!

Sobre a selecção, gostei! Mas atenção que não sei se se pode considerar inteiramente mérito do seleccionador. Afinal de contas mal teve tempo para treinar. Vou mais para a hipótese de se sentirem mais à vontade e de se terem visto livres da pressão do caso Queiroz.

Abraço.

sloml disse...

Caríssimo Gil, infelizmente também não tenho tido tempo nenhum para comentar e por vezes até visitar os blogues amigos. Não por problemas de saúde, felizmente, mas sim por motivos profissionais. Vou tentar arranjar mais tempo para voltar a frequentar também o seu espaço mais frequentemente. Muito obrigado pelas palavras, entretanto.

Ana, eu também gosto dele. O problema foi ter estado tanto tempo no Sporting ehehehe

VHugo, quero acreditar que não será assim. Sintam mais ou menos a camisola, a verdade é que boas prestações na selecção também abrem o apetite dos tubarões. Mais que não seja por isso, eles têm de comer a relva quando jogam por Portugal. E a maioria não gostava do Queiroz, a verdade é essa. Se o Paulo Bento conseguir motivá-los e fazê-los lutar por este objectivo, chegaremos a bom porto. Como na era Scolari.

Manuel, falta de comparência não será, de certeza, pois isso implicaria a derrota no jogo, algo a que não nos podemos sujeitar. Inclino-me mais para uma queixa criminal, algo desse género. Quanto ao Paulo Bento, digamos que foi o que o Manuel disse, mas também já com um pequeno trabalho, mais que não seja a nível motivacional. A verdade é que a selecção jogou de uma forma que não se viu nunca enquanto o Queiroz lá esteve...

Abraço a todos

Bimbosfera disse...

Olá a todos! Tudo correcto, no post e comentários... Aliás, quase tudo! Faço a ressalva do último comentário do Sloml que é, onde se lê «A verdade é que a selecção jogou de uma forma que não se viu nunca enquanto o Queiroz lá esteve...» deve ler-se «A verdade é que a selecção jogou o que não se viu nunca enquanto o Queiroz lá esteve...»!!!

Abraço

Márcio Guerra, aliás, Bimbosfera

Bimbosfera.blogspot.com