quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Benfica 2 - 0 Hapoel Tel Aviv - Fase de Grupos Liga dos Campeões 2010/11

Começámos ontem a participação na Liga dos Campeões, e começámo-la da melhor maneira: a vencer. Estes 3 pontos eram importantíssimos não só para que pudéssemos entrar na competição da melhor forma possível, vencendo o 1º jogo em casa, mas também devido à fase que a equipa atravessa - ainda para mais na véspera de um Benfica-Sporting. A exibição ainda não foi brilhante, mas chegou para vencer, e neste caso era isso o que mais importava. Com a vitória caseira do Lyon sobre o Schalke 04 (1-0), que iremos defrontar na próxima jornada (e na Alemanha), estamos neste momento em primeiro do grupo, o que, não querendo dizer nada, obviamente, pode funcionar como alento extra para a equipa. Pelas minhas contas, 10 pontos serão mais que suficientes para passar à fase seguinte, pelo que já só precisamos de mais 7: duas vitórias e um empate. Ora, se conseguirmos pelo menos empatar na Alemanha, ficaremos à distância de 2 triunfos em 4 jogos. Não me parece difícil. Francamente, penso que estamos bem lançados para superar a fase de grupos sem problemas de maior. Mas um passo de cada vez.


A entrada no encontro não foi má. Este Benfica não é o mesmo do ano passado (isso já todos sabemos), mas notou-se a vontade da equipa em deitar para trás o mau momento e entrar a ganhar na Champions. Ainda assim, e apesar das tentativas de Aimar, Carlos Martins e Fábio Coentrão, a verdade é que o Hapoel poderia ter marcado primeiro. O árbitro fez vista grossa, mas Luisão comete efectivamente falta sobre o avançado Shechter (um mergulhador nato, diga-se, como se viu no resto do encontro). Um lance em que ficou bem patente a dificuldade do brasileiro em acompanhar avançados rápidos e muito móveis. Luisão haveria de se redimir desse erro infantil pouco depois, conseguindo um golo espectacular e provando ser o homem dos golos decisivos: já assim havia sido com o Sporting em 04/05, com o Liverpool no ano seguinte e com o Braga na época passada, num jogo também ele decisivo para o título.


A partir daqui, o jogo aparentou ficar controlado, mas os israelitas não baixaram os braços e mostraram que estavam mesmo na Luz para pontuar. Felizmente, Roberto estava num dia inspirado e conseguiu sempre travar as investidas adversárias, nomeadamente o fantástico remate de trivela do lateral-direito Bondarv (para mim o melhor em campo dos israelitas). Não sei se foi só impressão minha, mas o espanhol pareceu-me bem mais tranquilo neste jogo. Pode ser que o problema na baliza esteja perto de ser resolvido. Era muito bom para nós.


Na segunda parte, o Benfica entrou outra vez mais forte e pressionante, destacando-se a grande exibição de Aimar, aqui bem secundado por Saviola, que finalmente apareceu. No entanto, o encerrar do jogo viria com a entrada de Maxi Pereira (parece que o banco lhe fez bem, assim como a titularidade a Ruben Amorim, ele que vinha a jogar muito mal). O entendimento entre os 2, que viria a culminar no segundo golo do Benfica, foi belíssimo. O golo foi à ponta-de-lança, como a grande maioria dos que Cardozo marca. Sobre o gesto do paraguaio, sinceramente acho isso um fait-diver. E até compreendo perfeitamente a atitude, diga-se. Ninguém gosta que no nosso local de trabalho nos estejam a assobiar e a criticar de cada vez que fazemos algo mal, e estava a tornar-se ridículo assobiarem-no (apesar de estar a ser o pior em campo, de longe) de cada vez que tocava na bola. O gesto foi irreflectido mas expressou o que o jogador estava a sentir naquele momento, o sentimento de "Tomem lá" por o terem "tratado tão mal", ele que é o mesmo jogador que o ano passado apontou 38 golos. Pois bem, Cardozo marcou, fez o gesto (o mesmo que Quim fez o ano passado, e teve igualmente a sua razão, pois os adeptos incompreensivelmente só viam o Moreira à frente, mesmo com ele a demonstrar que era o melhor - e acabou por ser totalista no campeonato...), pediu desculpa e isso é que importa. A hora é de união entre todos os benfiquistas e não de estar a criticar jogadores indiscutíveis no 11. Que se assobie o César Peixoto, é para o lado que durmo melhor. Agora o Cardozo, isso é incompreensível.

E assim levámos a melhor no primeiro jogo na Champions. Não foi fácil, mas também não foi preciso forçar assim tanto. A deslocação à Alemanha não vai ser pêra nada doce, não só pela qualidade do Schalke (apesar de ter 5 derrotas em 5 jogos este ano) como também pela nossa tradição em solo germânico, onde nunca vencemos uma partida. Ainda assim, eu acredito que as estatísticas são para ser quebradas e que é completamente possível trazer um bom resultado. Se não der para ganhar, pelo menos o empate. Um ponto já será muito positivo, pois ficarão a faltar apenas mais 6, ou seja, 2 vitórias. E isso está perfeitamente ao nosso alcance. Rumo a um sonho que se verá se é possível ou não de concretizar!

O resumo do jogo aqui:

11 comentários:

João Magalhães disse...

Falou-se tanto em arbitragem, mas convém referir k se o penalti é assinalado o jogo era outro e deixo uma pergunta: Conseguiria o benfica dar a volta?

Só deixo isto para refletirem. O Benquerença errou (nos penaltis, nos fora de jogo foram os auxiliares), mas aqui o árbitro erra numa altura k o benfica ficava numa posição desfavorável. São jogos diferentes, mas mostra que errar é humano. E erra-se para os dois lados. Agora gostava de ver os dirigentes do hapoel a fazerem reuniões para efectuarem boicotes...

Anónimo disse...

Até podia ser penalti, mas ele deixa-se cair e o arbitro viu isso e o jogador podia ser mais inteligente porque de acordo com as leis da fisica e impossivel uma pessoa cair para a frente se lhe estiverem a puxar por tras.
Alem disso acho que o ruben fez um bom jogo e o cardozo nao e jogador de ir buscar bolas ao meio campo e um matador, se as bolas chegarem la ele dificilmente falha e nao se esqueçam que na espoca passada cardozo fez grandes assistencias como no jogo contra o rio ave e so foi ultrapassado pelo di maria em assistencias na equipa do benfica.

sloml disse...

João, não vale a pena voltar a falar desse assunto. O tema arbitragens para mim já está encerrado. Eu fui honesto o suficiente para referir esse lance na crónica sobre o jogo. Mas se quiser a minha opinião, eu dou-lha: sim, o Benfica conseguiria virar o jogo. A sua última frase é ridícula. Um erro do árbitro acontece em todos os jogos. 4 grosseiros, como aconteceram no Vitória de Guimarães-Benfica, isso é que não é normal e foi isso que fez a direcção do Benfica se insurgir. Não conte comigo para iniciar guerrinhas de palavras e ironias, que não estou para isso.

Anónimo, concordo com tudo, menos na parte das assistências. O Coentrão é que ficou logo atrás do Di María.

João Magalhães disse...

Os 4 grosseiros que referiu são 2 fora de jogo e 2 penaltis, certo? Quer me parecer que quem assinala os fora de jogo é o auxiliar. Concorda comigo? Assim sendo e fazendo parte da equipa o árbitro principal limita-se a confiar no seu assistente e marca o fora de jogo, correcto? Assim sendo o árbitro erra 2 vezes (e não 4) e o assistente mais duas. Se este árbitro que não marca 2 penaltis (k seriam decisivos) errou, como fica um árbtro que aqui à umas épocas num sporting-benfica (ou vice-versa) deixou por marcar 3 (2 para o sporting e 1 para o benfica)? Não errou mais?
Sloml, o árbitro pode ter errado e ajuizado mal (de má fé ou não. Nao sabemos), mas parece rídiculo fazer assembleias e até o secretário de estado levar por tabela. Foi uma maneira de pressão.

Anónimo, o penalti é claro. O sloml aqui tb o referiu. Então pk não foi inteligente não se marca? Faz-me lembrar quando o jesualdo quando disse k se devia proteger os talentosos e o paulo bento respondeu: "Proteger talentosos? E os outros? Partem-se as pernas?"

Bimbosfera disse...

Todos falam desse penalty, e admito-o, mas curiosamente, nem bloggers Benfiquistas no geral, falam de um antes ainda desse, a favor do Benfica. Em que ficamos??? Só se vê para um lado. Claro que não espero que alguém de outro clube diga que foi, mas até um sportinguista que viu o jogo comigo disse, mesmo sem eu dizer nada, que aquele lance era penalty.
E só vi a primeira metade, e os últimos minutos, já depois do 2 a zero.
Quer me parecer que o pessoal, de tanto querer isenção, já nem fala do que tem que falar.
Sloml, sabes como eu penso, e por isso digo o que tenho que dizer, poucos, mas mesmo muito poucos, falaram desse lance. Honra seja feita a um articulista no Record que o mencionou.
Afinal não fui só eu que vi. Eu vi o jogo na net, não foi transmissão RTP, não sei se o feed era o mesmo, mas não se viram mais repetições da jogada que falei. Foi tudo nas barbas do árbitro de baliza, a nosso favor, na primeira parte.
Sei que na net a emissão era SportTV, e por isso admito que não houvesse repetição...

Abraço

Márcio Guerra, aliás, Bimbosfera

Bimbosfera.blogspot.com

sloml disse...

João, quando me refiro a erros de arbitragem, refiro-me a erros da equipa de arbitragem, seja do árbitro ou dos assistentes. Não sei se foram premeditados. Sei que foram anuladas ao Benfica 4 oportunidades claras de golo. 4.

Sobre a assembleia farei um post. O Secretário de Estado não tem a ver com este assunto, mas com o caso do Nuno Assis, que nunca foi esquecido pela direcção do Benfica (assim como a total ausência de comentários desse senhor no processo Apito Dourado). Quanto a dizer que isso foi uma maneira de pressão, no meu entender qualquer declaração de qualquer agente desportivo é uma maneira de pressão. De todas as vezes que o Pinto da Costa fala, faz pressão. É assim que as coisas funcionam hoje.

Márcio, eu vi esse lance mas, apesar da dureza do defesa do Hapoel, para mim não é penalty porque ele corta a bola. Mas já vi anti-benfiquistas noutras ocasiões, noutras épocas, em lances semelhantes na área do Benfica dizerem que era penalty (assim de repente lembro-me de uns 2 ou 3 do Luisão e do David Luiz). Para mim não foi penalty.

João Magalhães disse...

Sloml, já estamos a chegar a algum lado. Finalmente. Concordo com o k diz. Os erros são da equipa e não só do árbitro. Só falei no árbitro pk li algures k nessa semana o árbitro foi premiado pela associação do porto e ligaram isso com os erros. Mas se ele foi o premiado, não deveria ser só ele a errar? Só para terminar este assunto errar em 4 lances é escandaloso!

As coisas funcionam com pressão. Concordo k todos a fazem. Mas na minha humilde opinião não se ganham campeonatos a disparar em todas as direcções. O arbitro errou, mostra-se descontentamento publico, reclama-se na liga e espera-se. A assembleia não seria necessaria. Alias falou no PC mas nao me lembro de serem convocadas assembleias por estes assuntos.

Olhe, quer saber de uma coisa? Se o benfica neste momento tivesse 9 pontos, mesmo perdendo aquele jogo nada disto acontecia. Assim como nao se tinha falado do hulk se o porto tivesse sido campeão... Isto para mim é tudo palhaçada. Gosto é de jogos tipo Porto-Braga, k penso k até o sloml tem de admitir k foi um jogo magnifico...

Bimbosfera disse...

Ainda agora eu tinha dito que não comentava mais, mas olhe lá, está a ver porque é que o Benfica «dispara» em todas as direcções? Para mostrar a sua força, e que estamos fartos de 30 anos disto. Só!
Sobre o jogo Porto-Braga, foi, para quem gosta de futebol, um bom jogo, mas foi, à semelhança do que aconteceu em 3 jornadas esta época, o Porto uma vez mais beneficiado. Foi penalty ou não foi, a favor do Braga? E depois vem o Villas-Boas com caganças falar do Benfica???
Ele ainda está é surpreso de ter ganho, pois há 5ª jornada ainda anda a falar da Super-Taça.
Eu sei que a maioria do pessoal quando «come» uma miúda pela primeira vez gosta de se gabar disso aos outros, mas já chega.
Aí sim, pode-se dizer que jogaram bem, e que a arbitragem não influenciou no vencedor. Houve jogadas mal apitadas? Houve sim senhor, mas não foram impeditivas de haver uma maior proximidade com a justiça do resultado no fim.
Já nos casos do Benfica isso não se verifica. No caso do Porto, em sentido inverso, isso não se verifica, e veja, o Benfica falou tão-só dos seus problemas, pois a consciência de que o Porto está a ser levadíssimo ao colo é tremenda, e as pessoas sabem disso. É tudo à descarada. É tão à descarada como no ano passado não estavam à espera do Benfica dominador que tivémos.
Sim, porque há um ano sabe o que diziam? Ah, é só na pré-época, é só até ao Natal, é só até ao Carnvaal, é só túneis, é só... Benfica Campeão Nacional 2009/2010.
Este ano, para impedir o bi-campeonato, é o Porto levadíssimo ao colo, para não haver o, risco, que há, de não ficar de fora da Liga dos Campeões outra época, que poderia significar o fim do «polvo» que há 30 anos mina esta porra toda.
Não concordará comigo, é certo, mas não impede que eu esteja correcto!

Abraço

Márcio Guerra

P.s.- Sloml, ok, foi duro, mas, e arrancar pernas vale? Por mim ainda não vale! Abraço.

sloml disse...

Não sei se foi só o árbitro a ser homenageado. Os assistentes não foram? Mas isso a mim não me interessa, nem peguei nesse tema.

No Porto não se precisa de convocar assembleias para fazer pressão. Bastam as conferências de imprensa e os discursos do PdC nas festas. Porque há união em torno de todas as ideias e posições do comandante, coisa que não existe no Benfica.

Concordo consigo no último parágrafo. E sim, também gosto é de jogos assim. Foi um jogo brilhante.

Márcio, não falaste para mim neste item mas posso dizer-te que para mim não houve qualquer erro de arbitragem nesse jogo. Esse lance do Belluschi para mim não foi falta.
Sobre o teu PS, claro que não vale arrancar pernas, mas para mim foi uma entrada dura mas leal porque foi na bola. Não considero aquilo falta.

João Magalhães disse...

Concordo com o sloml, o lance do bellushi não é falta. Mas tb da posição onde estava o árbitro se calhar o sloml tb marcaria, não era? Há erros e erros...
Marcio assim como eu o ano passado admiti k o benfica jogava bom futebol, quer me dizer k o porto este ano não o joga? Tem visto os jogos (o do naval menos conseguido)? O porto pratica bom futebol e nao me venha com historias. Mas claro, ha quem nao queira ver...

VHugo disse...

Em resposta ao primeiro Comentário...porque não poderia o Roberto defender o Penalty como fez com o Setúbal????


http://forcamagicoslb.blogspot.com/2010/09/uniao-das-tropas.html