quarta-feira, 24 de março de 2010

Corrupção e tráfico de influências no seu melhor

É esta a imagem que o FC Porto vai ganhando no estrangeiro (finalmente acordaram). Informação retirada do grande blog Magalhães-SAD-SLB.

Curiosamente, hoje saiu a notícia da redução do castigo a Hulk e Sapunaru de 4 e 6 meses, respectivamente, para... 3 e 4 jogos. Isto é uma das maiores vergonhas de sempre do futebol português. Ambos os jogadores agrediram stewards, e a pena de suspensão são míseros 3 e 4 jogos. O Cantona, quando agrediu um adepto em Inglaterra, levou 9 meses de suspensão. Isto é a justiça que temos em Portugal. É curioso que a Comissão Disciplinar da Liga já os havia castigado com penas abaixo das mínimas previstas pela lei (Hulk devia ter levado os 6, no mínimo) e agora é o Conselho de Justiça da Federação (o mesmo que tentou salvar Porto e Boavista aquando do Apito Final - e constituído maioritariamente por adeptos do Porto) a revogar os castigos. Também curiosamente, Hulk e sapunaru agrediram stewards - 3 e 4 jogos. Vandinho, por tentativa de agressão ao adjunto do Benfica, levou 3 meses e não lhe foi revogado o castigo. Porque é que me parece que há aqui alguma coisa que não cheira bem? Eu nem costumo falar destas coisas, mas esta decisão vem numa altura em que o Porto está praticamente sem atacantes, depois das lesões de Varela e Rodríguez. Está, também, em sérios riscos de falhar a Champions, o que significará um enorme rombo financeiro nas contas do clube. Uma coisa aliada à outra, e temos aqui tudo: o Braga continua enfraquecido sem o Vandinho, o Porto fica (supostamente) mais forte com o Hulk, e o 2º lugar para o Porto fica, à partida, mais próximo. Uma equação muito simples. E isto só continua a acontecer em Portugal porque este país é cada vez mais uma autêntica vergonha. Nunca disse isto, porque adoro o meu país, mas há alturas em que tenho mesmo vergonha de ser português.
Ainda assim, e só para relembrar algumas pessoas mais distraídas: o último jogo de Hulk nas competições nacionais foi na Luz, a 20 de Dezembro. O Porto perdeu por 1-0 com o Benfica e ficou a 4 pontos dos 2 primeiros, Braga e Benfica. Portanto, já nessa altura a equipa estava em 3º - a mesma posição que ocupa neste momento. Hulk jogou nos oitavos-de-final da Liga dos Campeões, contra o Arsenal. O score, todos sabemos qual foi. A contribuição de Hulk nesses 2 jogos? Igual a zero. Aliás, a contribuição de Hulk em toda a época foi pouco mais que zero. Podem espernear, podem gritar que perderam o título por causa do infame castigo a Hulk, que todos sabemos a verdade: o Porto está muito mais fraco este ano e enfraquece ainda mais quando esse jogador está em campo. Mas mesmo que assim não fosse, mesmo que ele fosse a estrela da equipa, o que fez é indesculpável e tinha de ser punido. Uma vergonha é esta decisão do corrupto CJ da Federação, cujo presidente é um ex-guarda-redes do Porto. Isso é que é uma vergonha. Só espero que os adeptos do Braga percebam esta golpada (mais uma) dos corruptos. Tenham atenção a isto, porque é importante: não foi a CD da Liga (e o famigerado Ricardo Costa) que baixou os castigos aos portistas e manteve o do Vandinho. Foi o CJ da Federação, recheado de portistas, que revogou os castigos ao Hulk e manteve o do Vandinho. O que significa que isto é uma tentativa não de enfraquecer o Braga para o título ficar entregue ao Benfica, mas sim de fortalecer o Porto para ver se ainda chega ao 2º lugar. Percebam bem isto. Realmente assim será complicado para equipas como o Braga conseguirem chegar mais longe. Uma equipa que tem feito um campeonato, reitero, extraordinário. Em condições normais, o Benfica já era campeão há muito tempo, com a época estrondosa que tem efectuado. O problema é que tem tido um super Braga a oferecer resistência, e merecem um grande aplauso por isso. Mas é indiscutível e indesmentível: o melhor futebol é praticado pelo Benfica, sobre isso nem pode haver discussão. Mas que o Braga merecia o 2º lugar, oh se merecia! O problema é que no Porto não estão dispostos a deixar que isso aconteça. Ponham-se a pau, bracarenses: o perigo não vem de Lisboa, vem do Porto. Tenham atenção a isso, e por favor, nunca defendam uma aliança com o crime e a corrupção. Por favor. Continuem a apoiar apenas o Braga e não se aliem ao Porto contra o Benfica, porque só sairão prejudicados. O Benfica sentiu isso no tempo do Damásio, e com o Sporting é isso que vem a acontecer desde que o Dias da Cunha saiu. Contentam-se com migalhas e não ganham nada porque o polvo não deixa. Braga, não caiam nessa asneira. Eu gosto muito do Braga, acho que é um grande clube. Não se tornem iguais ao Porto. Por favor.

6 comentários:

o lado do futebol disse...

Boas

Estranho, CJ baixou drasticamente castigos de Hulk e Sapunaru.

Veja e dê a sua opinião:
http://oladodofutebolquenuncaviram.blogspot.com/2010/03/estranho-cj-baixou-drasticamente.html

Abraço

sloml disse...

Eu não estou nada preocupado, caro José, pois isso a mim não me diz respeito. Mas um steward não é considerado agente desportivo e porque é que um bombeiro é? Fernando Mendes, em 97/98, foi suspenso por três meses por ter agredido um bombeiro (numa decisão que saiu 13 meses depois, quando ele já não estava no Porto...). JVP, na época seguinte, levou 2 meses pelo mesmo motivo. Bambo, por ter empurrado um apanha-bolas, apanhou 6 meses quando era ainda um miúdo. Cantona, por agredir um adepto (que é tudo menos um agente desportivo), apanhou 9 meses de castigo. É justo que Hulk apanhe... 3 jogos? 3 jogos? Isto é a justiça? Isto é justo? Agredir uma pessoa dá direito a 3 jogos? Para mim dava direito é a pena de prisão de uns 3 meses, mas já nem vou por aí.

No CJ da Federação, não são todos portistas, também há lá benfiquistas e sportinguistas. Mas a maioria é portista e o seu presidente é um ex-guarda-redes do Porto. Isto é um facto muito fácil de provar.

Quero com isto deixar claro que não estou preocupado por Hulk voltar a jogar. Eu considero-o um excelente jogador e a época passada confesso que fiquei admirado com o potencial futebolístico que apresentava. Este ano estagnou drasticamente, mas isso não são contas do meu rosário, obviamente. O que me irrita e enoja é a nossa justiça (ou falta dela). E é começar a ler e ouvir bocas e acusações de portistas e bracarenses a insinuar que foi tudo feito para entregar o campeonato ao Benfica, que os castigos aos adversários foram cirúrgicos e tudo isso. Como se os 2 portistas não tivessem agredido os stewards, como se o Mossoró e o Ney não tivessem agredido cobardemente o Cardozo. Só não me posso pronunciar sobre o Vandinho, pois isso eu não vi em imagem nenhuma, mas se está nos relatórios da Liga é porque aconteceu. Agora que os jogadores agrediram, todo o mundo pôde ver. Que foram bem castigados, também me parece. Que agora estes 2 foram bem despenalizados... por amor de Deus! Como é possível? É só o que tenho a dizer. Mas não me venham dizer que foi o Benfica que fez com que todos esses jogadores tenham agredido alguém e que foi o Benfica que mexeu os cordelinhos na Liga para todos eles serem castigados. Eles foram castigados pelos motivos que todo o país pôde testemunhar. O que é surpreendente é que venha agora o CJ da Federação (volto a repetir: o mesmo órgão que decidiu totalmente contra a CD da Liga no processo Apito Final, salvando Porto e Boavista depois da vergonha que todo o país pôde posteriormente ouvir nas escutas) a revogar os castigos aos portistas, precisamente numa altura em que o Porto só tinha Falcao, o meio lesionado Farías e o fraquíssimo Orlando Sá para o ataque. Venha de lá o Hulk para ainda haver esperança. Peço desculpa se estiver errado, mas esta é a minha opinião.

Cumprimentos

Mantorras disse...

O nosso futebol continua a palhaçada do costume. Como adepto do futebol custa-me cada vez mais pagar pelo bilhete de um jogo de futebol. Apetecia-me deixar de ligar ao futebol, mas o amor ao Benfica não me deixa.
Quando ao Hulk, prefiro que jogue, fraquinho, fraquinho, fraquinho!

Nuno disse...

Medalha de fair play para os rapazes, já. E vinte anos de prisão para o segurança agredido, que estava onde não deveria estar....


Sumaríssimo a Javi Garcia: 2 jogos
Agressão a um Steward : 3 jogos


Muita fruta deve ter sido distribuída pela FPF...

sloml disse...

José Pereira, acha que se compara estar pessoal em zonas não autorizadas com o mesmo pessoal ser agredido e o agressor levar apenas 3 jogos e mais 1000 euros de multa? Por favor, José, parece-me ser uma pessoa sensata, diga-me a verdade: concorda com este castigo? Concorda que os stewards sejam equiparados a público normal? Não, não são. Os stewards neste caso também são agentes desportivos. O Hulk e o Sapunaru deveriam ter apanhado no mínimo 6 meses e mais nada. E o que diz que a lei existe para ser contornada mostra bem qual a linha de pensamento dos portistas. Eu não penso assim, desculpe. E é como o Nuno disse, e muito bem. O Javi García levou 2 jogos por algo que o Bruno Alves faz em todos (ainda agora fez, ao Kardec). E o Hulk leva 3 por agredir a pontapé de um steward? 3 jogos? Epá, nada do que um portista me diga me vai fazer mudar a opinião de que este castigo é ridículo. Mas claro, aplicado pelo CJ da Federação já é muito justo. A CD da Liga, que tem agido com imparcialidade e isenção, é que são os maus da fita e os benfiquistas só porque têm sido justos e honestos e têm castigado quem merece ser castigado. O CJ da Federação, que tem tentado ilibar o Porto de tudo, esse é que é o justo. Isto é uma vergonha, este país é uma vergonha. Venham mais destes. E é como o Coluna d'Águias Gloriosas disse num dos seus recentes posts: está-se a trabalhar para na próxima época a arbitragem e a disciplina passarem para a alçada da FPF. Portanto, preparem-se, adeptos da verdade desportiva: vai voltar a ser tudo como dantes, tudo manobrado pelo Pintinho. E mais não digo.

sloml disse...

Ainda bem que acha curtos os castigos, José. Fico contente que tenha o bom senso de admitir isso.

Sim, admito que essa (como muitas outras multas aos clubes) é uma quantia irrisória, mas isso já são questões que não me dizem nada. Não me importo minimamente com as multas que cada um paga por isto ou aquilo. Aliás, caro José, se me importasse teria de estar sempre a questionar o porquê do Benfica levar multas em todos os jogos por comportamento incorrecto do público e mais nenhum clube ser sancionado pelo mesmo. Eu já fui ver vários jogos do Benfica e também de outras equipas e garanto que nesses jogos, em estádio algum vi algo passível de sofrer sanção por comportamento incorrecto. Não percebo que comportamentos incorrectos são esses que a Liga vê em todos os jogos do Benfica. Será que as claques dos outros clubes nunca fazem nada que mereça ser sancionado? Só as do Benfica é que fazem? Mas repito, isso não me interessa minimamente, pois não mexe com o meu bolso.

Sim, o Benfica provavelmente faria o mesmo. E eu seria o primeiro a condenar, como já o fiz muitas vezes por outras questões.

Sim, achei, claro, e disse-o aqui neste blog. Quanto ao castigo ao Bruno Alves, pode esperar sentado... E já agora, ao Rodríguez também. Ou só o Katsouranis é que merece sumaríssimos por mostrar o dedo do meio num jogo? E ele fê-lo a um colega de equipa, o Rodríguez fez ao público. Penso que tinha de levar no mínimo um jogo.